Tradições de casamentos na República Checa de Lucie

Coleira de cavalo

Esta tradição de casamento acontece depois da cerimónia e, na maior parte dos casos, quando os convidados chegam ao copo-d'água. Os amigos do noivo colocam uma coleira de cavalo com uma bela decoração à volta do seu pescoço, o que simboliza o vínculo do seu casamento. Isto também significa que o casamento pode ser difícil se o casal não cooperar. Além disso, a noiva recebe um chicote com fitas para demonstrar quem é que toma as rédeas no casamento.

Lukas (República Checa) usa uma coleira de cavalo ao pescoço após a cerimónia para simbolizar o vínculo do casamento. Imagem captada pelos fotógrafos de casamentos profissionais, Simona Smrcková e Kamil Saliba, com a D850 e a objetiva AF-S DX NIKKOR 35mm f/1.8G.

Partir pratos

A tradição de varrer cacos de um prato partido num casamento é a primeira tradição a ser organizada pelo pessoal do catering. No início do copo-d'água, um membro do pessoal deseja muitas felicidades aos recém-casados e faz-se um brinde. Durante este brinde, o membro do pessoal deixa cair “acidentalmente” um prato, que está escondido debaixo da bandeja que está a segurar. Segundo a tradição, os recém-casados têm de varrer os cacos.

Estes cacos de porcelana simbolizam a felicidade e o ruído do prato a partir-se espanta os espíritos maus que querem prejudicar o casal. Varrer os cacos em conjunto é uma tarefa simbólica para a noiva e o noivo. Significa que têm sempre de trabalhar em conjunto, não só nos problemas do casamento, mas também nas tarefas domésticas. Também é muito importante quem pega na pá do lixo e quem pega na vassoura. Segundo a tradição, quem varre os cacos vai ser varrido e quem pegar na pá do lixo terá a última palavra no casamento. Os recém-casados também devem guardar um pedaço para terem boa sorte.

Lukas e Nikola (República Checa) varrem e apanham os cacos dos pratos partidos para simbolizar que vão trabalhar em conjunto na vida de casados. Imagem captada pelos fotógrafos de casamentos profissionais, Simona Smrcková e Kamil Saliba, com a D850 e a objetiva AF-S NIKKOR 24-70mm f/2.8G ED.

Água ou vodca

Os casamentos estão associados a muitos brindes diferentes feitos pelos pais, pelo padrinho, pela madrinha, pelos amigos e pelos próprios recém-casados, entre outros. Alguns dos brindes não têm apenas o objetivo de desejar felicidades aos recém-casados, mas também de prever o futuro da relação, nomeadamente, qual deles vai ao bar!

Um amigo ou um membro do catering coloca dois copos numa bandeja, um com água e o outro com uma bebida alcoólica transparente, geralmente vodca. Cada um dos recém-casados pega num copo antes do brinde. Se calhar água ao noivo, ficará em casa todas as noites; se calhar álcool, é provável que vá ao bar!

Lukas e Nikola (República Checa) são fotografados a beber água e vodca durante o brinde do casamento, mas não se sabe qual é qual! Imagem captada pelos fotógrafos de casamentos profissionais, Simona Smrcková e Kamil Saliba, com a Nikon D850 e a objetiva AF-S NIKKOR 20mm f/1.8G ED.