Nikon Imaging | Portugal | Europa

Glossário de objetivas

O Revestimento Super Integrado Nikon assegura um desempenho excepcional

O Revestimento Super Integrado Nikon assegura um desempenho excepcional

Para melhorar o desempenho dos elementos ópticos das suas objectivas, a Nikon emprega um revestimento da lente multi-camada exclusivo que ajuda a reduzir os efeitos fantasma e os reflexos para um nível negligenciável.
O Revestimento Super Integrado Nikon atinge uma série de objectivos, incluindo reflexos minimizados na gama de comprimentos de onda mais ampla e equilíbrio e reprodução de cores superiores. O Revestimento Super Integrado Nikon é especialmente eficaz em objectivas com um grande número de elementos, como as nossas objectivas NIKKOR com zoom.
Igualmente, o processo de revestimento de camadas múltiplas da Nikon foi concebido para o design de cada objectiva particular. O número de revestimentos aplicados a cada elemento da objectiva é cuidadosamente calculado para corresponder ao tipo de objectiva e ao vidro utilizado, e também para assegurar o equilíbrio de cores uniforme que caracteriza as objectivas NIKKOR. Isto tem como resultado objectivas que satisfazem padrões muito mais elevados do que os do resto do sector.

 
Elementos da objectiva asférica

Elementos da objectiva asférica

A Nikon introduziu as primeiras objectivas fotográficas com elementos da objectiva asférica em 1968. O que é que as distingue? As objectivas asféricas eliminam praticamente o problema de coma e outros tipos de aberração — mesmo quando utilizadas na abertura máxima. São particularmente úteis na correcção da distorção em objectivas de grande angular. Além disso, a utilização de objectivas asféricas contribui para um design mais leve e mais pequeno da objectiva.
A Nikon emprega três tipos de elementos da objectiva asférica. Os elementos da objectiva asférica de precisão são a melhor expressão da arte do fabrico de objectivas, exigindo padrões de produção extremamente rigorosos. As objectivas híbridas são feitas de um plástico especial moldado em vidro óptico. As objectivas asféricas de vidro moldado são fabricadas pela moldagem de um tipo único de vidro óptico utilizando uma técnica especial de moldagem de metal.

 
Sistema de correcção a curta distância

Sistema de correcção a curta distância

O Sistema de correcção a curta distância (CRC) é uma das mais importantes inovações de focagem da Nikon, pois proporciona uma qualidade de imagem superior a distâncias de focagem mínimas e aumenta a gama de focagem.
Com o sistema CRC, os elementos da objectiva são configurados num design de “elemento flutuante” em que cada grupo da objectiva se move de forma independente para focar. Isto assegura um desempenho de objectiva superior mesmo quando estiver a fotografar a distâncias reduzidas.
O sistema CRC é utilizado em objectivas NIKKOR olho de peixe, grande angular, Micro e teleobjectivas médias seleccionadas.

 
Focagem interna (IF)

Focagem interna (IF)

Imagine ser capaz de focar uma objectiva sem que esta mude de tamanho. A tecnologia IF da Nikon permite exactamente isso. Todo o movimento óptico interno está limitado ao interior do canhão da objectiva não extensível. Isto permite uma construção mais compacta e leve, bem como uma menor distância focal. Além disso, é utilizado um grupo de objectiva de focagem mais pequeno e mais leve para assegurar uma focagem mais rápida. O sistema IF está disponível na maioria das objectivas de teleobjectiva NIKKOR e de zoom NIKKOR seleccionadas.

 
Revestimento de nanocristais

Revestimento de nanocristais

O Revestimento de nanocristais é um revestimento anti-reflector que teve origem no desenvolvimento de dispositivos de fabrico de semicondutores da série NSR (Nikon Step and Repeat). Elimina virtualmente os reflexos internos do elemento da objectiva numa vasta gama de comprimentos de onda e é particularmente eficaz na redução de efeitos fantasma e dos reflexos peculiares das objectivas ultra grande angular. O Revestimento de nanocristais emprega várias camadas do extraordinário revestimento de índice de refracção super baixa da Nikon, que inclui partículas cristalizadas ultra finas nanométricas (um nanómetro é igual a um milionésimo de milímetro). A Nikon apresenta-se agora orgulhosamente como pioneira na aplicação desta tecnologia de revestimento a uma vasta gama de objectivas para utilização em produtos ópticos para o consumidor.

 
Redução da vibração (VR)

Redução da vibração (VR)

Este inovador sistema VR minimiza o efeito tremido nas imagens causado pela vibração da câmara e oferece o equivalente a disparar a uma velocidade do obturador três stops (oito vezes) mais rápida.* Permite fotografar com a câmara na mão ao crepúsculo, à noite e mesmo em interiores pouco iluminados. O sistema VR da objectiva também detecta automaticamente quando o fotógrafo faz uma panorâmica — não é necessário qualquer modo especial.
* Conforme verificado nos testes de desempenho da Nikon.

 
Vidro ED – um elemento essencial das teleobjectivas NIKKOR

Vidro ED – um elemento essencial das teleobjectivas NIKKOR

A Nikon desenvolveu o vidro ED (dispersão super baixa) para permitir a produção de objectivas que oferecem nitidez e correcção de cores superiores ao minimizar a aberração cromática.
Em suma, a aberração cromática é um tipo de dispersão de imagem e de cor que ocorre quando raios de luz de vários comprimentos de onda passam através do vidro óptico. No passado, a correcção deste problema das teleobjectivas exigia elementos ópticos especiais que oferecem características de dispersão anómalas — especificamente cristais de fluoreto de cálcio. No entanto, o fluoreto quebra com facilidade e é sensível a alterações de temperatura, que podem afectar adversamente a focagem ao alterar o índice de refracção da objectiva.
Por isso, os designers e os engenheiros da Nikon trabalharam em conjunto e conceberam o vidro ED, que oferece todas as vantagens, mas nenhum dos inconvenientes do vidro com base em fluoreto de cálcio. Com esta inovação, a Nikon desenvolveu diversos tipos de vidro ED adequado a várias objectivas.
Estas proporcionam uma surpreendente nitidez e contraste mesmo nas aberturas mais elevadas. Desta forma, as objectivas da série ED da NIKKOR exemplificam a superioridade da Nikon na inovação e desempenho de objectivas.

 
Focagem traseira (RF)

Focagem traseira (RF)

Com o sistema de Focagem traseira (RF) da Nikon, todos os elementos da objectiva são divididos em grupos de lentes específicos, em que apenas o grupo de lentes traseiro se move para focar. Isto torna a operação de focagem automática mais suave e mais rápida.

 
Lente de protecção do menisco

Lente de protecção do menisco

É instalado um elemento curvo de cristal de protecção do menisco na parte da frente da objectiva para minimizar o efeito fantasma através da difusão de luz re-reflectida a partir do sensor de imagem ou do filme e do vidro de protecção. A utilização de uma lente de protecção do menisco assegura uma imagem clara com reduzido efeito fantasma.

 
Motor silencioso

Motor silencioso

A tecnologia AF-S da Nikon é outra das razões pelas quais os fotógrafos profissionais gostam das teleobjectivas NIKKOR. As objectivas NIKKOR AF-S dispõem do SWM da Nikon, que converte “ondas de deslocação” em energia rotativa para focar as ópticas. Isto permite uma focagem automática de alta velocidade extremamente precisa e super silenciosa.

 
Modo M/A

Modo M/A

As objectivas NIKKOR AF-S dispõem do modo M/A exclusivo da Nikon, que permite comutar de focagem automática para funcionamento manual sem praticamente nenhum tempo de retardamento — mesmo durante o funcionamento do servo de AF e independentemente do modo AF em utilização.

 
Modo A/M (focagem automática com opção manual, modo de prioridade AF)

Modo A/M (focagem automática com opção manual, modo de prioridade AF)

Um modo de “focagem automática com prioridade à focagem automática” que reduz a sensibilidade da substituição manual a fim de evitar a comutação inesperada de automático para manual.

 
Comutador A-M

Comutador A-M

Um elemento que bloqueia o anel de focagem durante a focagem automática ao mesmo tempo que permite um comportamento semelhante ao de uma objectiva de focagem manual no modo de focagem manual com carga suficiente quando o anel de focagem é rodado. Os anéis de focagem da NIKKOR AF-S DX de 18-55 mm f/3.5-5.6G VR, Nikkor com zoom AF-S DX ED de 18-55 mm f/3.5-5.6G e Nikkor com zoom AF-S DX ED de 18-55 mm f/3.5-5.6GII rodam durante a focagem automática.

 
Diafragma circular

Diafragma circular

Fotografias de focagem suave de fontes de luz localizadas criam formas poligonais regulares que reflectem a forma da abertura criada pelas lâminas do diafragma. Um diafragma circular utiliza lâminas concebidas para criar uma abertura circular para um efeito de focagem suave ainda mais bonito.

 
Informações da distância

Informações da distância

As objectivas NIKKOR de tipo D e G transmitem informações da distância do motivo à câmara a corpos de câmara Nikon AF. Isto torna possível avanços como a Medição matricial 3D e o Flash de enchimento equilibrado com multissensor 3D.
Nota: As objectivas NIKKOR de tipo D e G transmitem informações da distância às seguintes câmaras: Exposição automática; F6, F5, F100, F90X, F80, F75, F70, F65, F60, F55, F50, PRONEA S, PRONEA 600i, série D2, série D1, D100 e D70s/D70.
Controlo do flash; F6, F5, F100, F90X, F80, F75, F70, série D2, série D1, D100 e D70s/D70.

 
NIKKOR tipo G

NIKKOR tipo G

As objectivas NIKKOR de tipo G não têm anel de abertura; deve seleccionar a abertura no corpo da câmara.

 
Vidro ED

Vidro ED

As objectivas DC NIKKOR AF dispõem da tecnologia exclusiva de controlo de imagem desfocada da Nikon. Isto permite aos fotógrafos controlar o grau de aberração esférica no primeiro plano ou no fundo ao rodar o anel DC da objectiva. Isto criará um efeito tremido desfocado circular ideal para fotografia de retratos. Mais nenhuma lente no mundo oferece esta técnica especial.

 
Modo M/A (automático com prioridade manual)

Modo M/A (automático com prioridade manual)

Com um índice de refracção de mais de 2.0, uma objectiva HRI pode proporcionar efeitos equivalentes aos obtidos com vários elementos de vidro normais e pode compensar tanto a curvatura de campo como a aberração esférica. Por isso, as objectivas HRI alcançam um excelente desempenho óptico num corpo ainda mais compacto.

 
Anel/alavanca/comutador de modo A-M

Anel/alavanca/comutador de modo A-M

Um mecanismo de diafragma eletromagnético no barril da objetiva fornece controlo altamente preciso das lâminas do diafragma eletrónico ou das lâminas de abertura ao utilizar a autoexposição durante o disparo contínuo. Com as objetivas convencionais do tipo D/G, as lâminas do diafragma são operadas por alavancas de ligação mecânica.

 
Revestimento Super Integrado Nikon

Revestimento Super Integrado Nikon

A fluorite é um material ótico monocristal com uma elevada taxa de transmissão nas zonas de infravermelhos e de ultravioletas. Com as suas fantásticas propriedades de dispersão anómalas, a fluorite bloqueia intensamente o espetro secundário a fim de corrigir eficazmente a aberração cromática no espetro de luz visível – uma coisa que é mais difícil de conseguir com distâncias focais mais longas. É também significativamente mais leve do que o vidro ótico, proporcionando uma objetiva mais eficaz com menos peso.

 
Objetivas NIKKOR AF DC

Objetivas NIKKOR AF DC

O revestimento de flúor da Nikon repele eficazmente poeira, gotículas de água, gordura ou sujidade, garantindo uma remoção fácil, mesmo quando aderem à superfície da objetiva. Graças à tecnologia original da Nikon, proporciona maior durabilidade e é mais resistente ao descasque. Em comparação com revestimentos de tipo semelhante de outros fabricantes, o revestimento de flúor suporta uma frequência mais elevada de limpeza da superfície da objetiva e proporciona uma maior durabilidade. O seu efeito antirreflexo também contribui para a captura de imagens claras.

 
Revestimento ARNEO

Revestimento ARNEO

O revestimento ARNEO é um sistema de revestimento antirreflexo que obtém uma refletância ultrarreduzida da luz incidente que atinge a superfície da lente a partir de uma direção vertical. Graças à tecnologia de fabrico original de camada fina da Nikon com um algoritmo otimizado, este sistema permite capturar imagens claras e nítidas com o mínimo de efeitos de imagens fantasma e reflexos, incluindo quando há uma fonte de luz dentro do enquadramento.

 
Vidro ED asférico

Vidro ED asférico

Com vidro ED (Dispersão super baixa) que minimiza com sucesso as alterações cromáticas como material, este tipo de lente dispõe de superfícies não esféricas num ou em ambos os lados do vidro. Proporciona uma capacidade de rendimento superior ao maximizar as vantagens do vidro ED e da lente asférica – corrigindo eficazmente diversas aberrações da lente como a aberração cromática lateral, o reflexo com efeito de coma na periferia, assim como a distorção e a aberração esférica. Efetua a correção da aberração do vidro ED e da lente asférica num elemento, contribuindo para a compacidade da objetiva.

 
Sistema de multifocagem

Sistema de multifocagem

Combinando várias unidades de AF que proporcionam potência mecânica a alta velocidade com grande precisão, a posição dos grupos de focagem é controlada de forma rigorosa, obtendo-se um controlo de AF extremamente rápido e preciso. Além disso, com a redução eficaz das aberrações, obtém-se um excelente desempenho de imagem em toda a gama de disparo, mesmo a distâncias curtas.

 
Lente PF

Lente PF

A lente PF (Fresnel de fase), desenvolvida pela Nikon, utiliza o fenómeno de difração fotográfica para compensar eficazmente a aberração cromática*. Proporciona um excelente desempenho de compensação da aberração cromática quando se combina com uma lente de vidro normal. Em comparação com muitas das objetivas gerais para câmaras, que dispõem de um sistema ótico que utiliza o fenómeno fotorrefrativo, é possível obter um corpo notavelmente leve e compacto com um menor número de lentes.
* Fenómeno de difração: a luz tem características de forma de onda. Quando uma forma de onda enfrenta um obstáculo, tenta rodeá-lo e ultrapassá-lo, e esta característica é considerada uma difração. A difração provoca dispersão cromática na ordem inversa da refração.

 
Lente SR

Lente SR

A lente SR (refração de longitude de onda curta) original da Nikon é uma lente de vidro com uma dispersão elevada e especializada que apresenta características que refratam enormemente a luz com longitudes de onda mais curtas que as do azul. Ao controlar a luz de longitude de onda curta, que é difícil de compensar, é possível captar com mais eficiência a luz de diversas longitudes de onda específicas e obter assim uma compensação da aberração cromática muito precisa. Dado que esta lente pode ser utilizada do mesmo modo que as lentes de vidro normais, obtém-se um design ótico mais flexível sem limitações no design da objetiva. É possível conceber uma objetiva compacta e leve ao mesmo tempo que se obtém um elevado desempenho ótico.

 
Motor de passo

Motor de passo

O funcionamento do motor é sincronizado com os impulsos elétricos e gira um passo por impulso. Oferece uma grande capacidade de resposta e controlo para arrancar e parar. A sua simples estrutura mecânica faz com que o funcionamento seja extremamente silencioso. É muito útil para fazer vídeos e sempre que se deseja evitar o ruído da objetiva.
[NOTA] O número de câmaras compatíveis é limitado. Mesmo alguns modelos de câmaras compatíveis podem precisar de uma atualização de firmware.

 
Vidro Super ED

Vidro Super ED

A Nikon desenvolveu também o vidro Super ED com propriedades de dispersão ainda menores e desempenho extremamente elevado na redução do espetro secundário, para minimizar ainda mais a aberração cromática, bem como outras aberrações da lente.